Solarium 2

Antologias são ótimas ferramentas literárias, tanto para quem ler quanto para quem escreve. A princípio pode-se enumerar alguns fatores que contribuem para isso. Primeiro é que elas reúnem textos (contos, poemas ou crônicas) sobre determinados temas específicos, e aí faz com que o leitor vá direto àquelas com temas que lhe agradem. Segundo, permite que os leitores conheçam novos autores, com estilos diferentes permitindo que se experimentem aperitivos com textos curtos desses autores. E por fim, oportuniza que novos autores se lancem no mercado editorial, um texto publicado em uma antologia pode ser o passo inicial para que autores se tornem grandes figuras do mundo das letras. Solarium 2 (2009) é uma antologia de contos de ficção-científica organizada por Frodo Oliveira e publicada pelo selo anthology da editora Multifoco.

Ficção-científica é de longe um dos temas que mais chamam a atenção dos leitores, e apesar de ser fantasioso, a fuga da realidade aqui se dar bem menos do que nos romances ditos de Fantasia. Nada de monstros mágicos em mundos encantados, o que temos aqui é mais um olhar de possibilidades futurísticas. Coisas da ficção-científica que há muito eram consideradas fuga de realidade se mostraram possíveis com os avanços da tecnologia, e os robôs de Asimov estão aí para provar isso. Aqui há um leque maior de subtemas. Invasões de alienígenas, destruição do mundo, abduções, cura de doenças, exploração de outros planetas, evolução de outras espécies, tudo isso é o que sai da mente desses novos escritores que se buscam não só em si, mas em outras referências para comporem suas próprias – e às vezes primeiras – histórias.

O termo solarium, como o próprio livro explica, refere-se ao termo grego que significa relógio e era usado para designar uma antiga constelação extinta no século XIX e que se localizava entre Horologium, Hydrus e Dorado. Aqui há muito mais que aventuras espaciais. O conto que abre a antologia nos leva a um mundo futurista onde já é possível a exploração de outros planetas e a tecnologia do avatares é algo comum entre os povos. Mas além de temas deste naipe há contos que usam a fantasia apenas para nos inserir em temas sociais e muito verdadeiros, alguns contos caem de forma sadia no clichê das catástrofes ambientais e nos apelos ecológicos, mas é válido se feito de forma inovadora e isso acontece com alguns contos aqui presentes.

Alguns merecem maior destaque como Beta Teste, A Estrela Cadente, Heliófilos, A Nave dos Deuses, Herança, A Sala das Garrafas, Entre o Céu e a Terra, O Espelho, Roswell, Manuscrito de Viagem e Sapiens. Ao todo são 25 contos escolhidos de forma a integrar uma diversidade de abordagens do gênero. A viagem no tempo é um evento incluído e bem abordado por Jorge Eduardo Magalhães, mas algo que surpreende é a discussão filosófica e biológica do conto Sapiens onde os anfíbios evoluem e tornam-se a espécie sucessora dos humanos aqui na terra, e a aposta é que os homens partam para outros mundos, para quem atentar bem há muito mais aqui do que mera divagação, se formos ver não fomos desde o princípio a espécie dominadora. Nossa sociedade é totalmente desconstruída e reconstruída com a presença de andróides e nos remete às guerras e disputas entre raças no conto Heliófilos.

Cada conto é precedido de uma imagem que o ilustra. As ilustrações são belíssimas e são assinadas por Jou Martins e J. Fox, que por sinal assina um conto com Misael Archanjo, Entre o Céu e a Terra. Esse conto, que parece ser o maior de todos, há toda uma construção e descrição mais detalhada, assim como mais suspense e mistério. Temos dessa vez pessoas em experimentos científicos, com uso de vírus que confere poderes especiais às suas cobaias, com uma ponta dos contos policiais, esse se destaca pela discussão do assunto bioético.

Solarium 2 (Multifoco, 196 pág.) além de ser uma continuação do primeiro volume é uma experiência única para os fãs do gênero. Apresenta-nos novos autores e nos faz viajar em suas criações e hipóteses, sejam elas fantasiosas, futuristas ou qualquer que venha a ser a vertente. Vale conferir. Recomendo!

Frodo Oliveira (Organizador)
Anúncios

7 comentários

    • Olá Ronaldo, muito obrigado pelo comentário.

      Então, desculpe pela falha.
      Achei meio desnecessário, ficarei devendo essa.

      Adorei seu texto!

      Abraços!

      Curtir

  1. Como participante da coletânea Solarium 2 agradeço em meu nome e dos colegas escritores que comõe o livro. Qualquer meio de divulgação que fale do trabalho será bem vindo.
    obrigado

    Curtir

  2. Boa resenha, Ademar! Gostaria somente de ter lido alguns comentários mais detalhados sobre os contos que você mais gostou. Obrigado pela divulgação deste ótimo livro.

    Abraços!

    Curtir

  3. Olá, Ademar. Muito bem escrita a resenha. Se eu não tivesse lido o livro certamente ela teria aberto meu “apetite”. Obrigado pela divulgação. Grande abraço.
    Frank

    Curtir

Deixe um Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s