Mau Humor, de Ruy Castro

Mau Humor

Quando se diz que um escritor está na moda, isso quer dizer que ele é admirado por menores de trinta anos.
— George Orwell (in: Mau Humor, Literatura)

Às vezes mando filmar algumas cenas fora de foco. É o único jeito de ganhar o Festival de Cannes.
— Billy Wilder (in: Mau Humor, Cinema)

Antologia é uma categoria de livros que tem por função agrupar textos em um único ou vários volumes temáticos. Elas podem ser de contos, poesias, artigos, crônicas ou ainda todos os trabalhos de um determinado autor, separando-os pelo gênero ou não. Aqui no Brasil é uma forma bem comum para lançar novos escritores. Algumas editoras investem muito em antologias de contos, para assim promover o trabalho dos escritores nacionais que ainda tiveram suas obras publicadas em grande escala. É também uma forma de vender bem um determinado livro, quando editoras publicam antologias organizadas por autores de sucesso.

Quando vi este livro pela primeira vez, achei que reunir frases em um livro para publicação era uma maneira oportunista de ganhar dinheiro em cima disso, mas no fim das contas acabou se tornando algo útil, e eu vou explicar por quê.

O trabalho de Ruy Castro nesse livro foi o de coletar frases de teor ácido sobre os mais diversos assuntos e agrupá-las por tema em ordem alfabética. Dessa forma, o livro funciona não só como uma espécie de livro de piadas que pode ser lido em momentos oportunos, mas também como um arsenal de frases para aqueles que adoram postar frases irônicas em suas redes sociais. E é por isso que digo que o livro pode sim ser útil. Você está numa fila que não anda, ou em algum transporte público, eis uma mão na roda para aliviar o stress. Quer postar alguma coisa irônica, ácida, indireta ou polêmica no Twitter ou no Facebook e ainda pagar de intelectual, eis uma ótima fonte. A organização do autor ainda falicita a busca por um tema específico.

É claro que isso não funciona muito bem para alguns, já que há na internet diversos sites que reúnem frases de inúmeras personalidades e que podem ser facilmente filtradas pelos mecanismos de busca que esses sites dispõem. Ainda assim, ter em mãos um livro (que também está disponível em edição de bolso) pode ser um bom divertimento. Confesso que me diverti muito com algumas frases. Este não é bem o tipo de leitura em que você senta e termina, já que não tem nenhum envolvimento que o prenda. É mais um daqueles livros que você vai lendo um pouquinho aqui e outro acolá, poderia ser o que alguns chamam de literatura fast-food.

Ruy Castro é jornalista, crítico e escritor, que traz em sua carreira diversas antologias, algumas bem interessantes como Um Filme por Dia (2004), e biografias, entre elas a de Carmen Miranda, Nelson Rodrigues e Garrincha. Como amante da literatura, da música e do cinema, ele traz em Mau Humor citações de mais de mil personalidades desse mundo que envolve suas paixões. Entre os citados estão Oscar Wilde, Woody Allen, Ambrose Bierce, Millôr Fernandes, Dercy Gonçalves, Nelson Rodrigues, Bernard Shaw, Mark Twain, Luis Fernando Veríssimo, Vinicius de Moraes e Mae West.

Algumas são pronunciamentos, letras de música, falas do cinema, trechos de obras, além de outras fontes das quais Ruy Castro retirou essas frases. E isso é um ponto que às vezes gera confusão, pois muitas vezes a frase de um personagem é atribuída como sendo pensamento pessoal do autor, o que nem sempre é fato. Quando um autor escreve um romance, por exemplo, nele pode conter personagens doces e outros azedos, e o que ele escreve como fala de um ou de outro não pode ser tida como algo que expresse a opinião do próprio autor. Isso acontece frequentemente com Oscar Wilde, cujas frases de acidez e repúdio às mulheres, por exemplo, na maioria das vezes retiradas de O Retrato de Dorian Gray, pintam uma imagem específica – por vezes negativa – do autor. Outros exemplos comuns são Caio Fernando Abreu e Clarice Lispector, os queridinhos das redes sociais.

Por fim, Mau Humor não é um livro necessário, no entanto se faz oportunamente útil, e atemporalmente divertido.

Curiosidades:

  • Mau humor é uma seleção das melhores frases das já publicadas antologias: O melhor do mau humor (1989), O amor de mau humor (1991) e O poder de mau humor(1993). Durante anos, estes livros fizeram rir centenas de milhares de leitores. Os livros originais estão esgotados, esta é edição condensada, definitiva e compacta, enriquecida com mais de 400 frases novas.

Postagens relacionadas:

– Resenha: O Retrato de Dorian Gray, de Oscar Wilde
– Resenha: O Jardim do Diabo, de Luis Fernando Veríssimo
– Resenha: A Mulher sem Pecado, de Nelson Rodrigues
– Resenha: Os Dragões Não Conhecem o Paraíso, de Caio Fernando Abreu
– Resenha: Água Viva, de Clarice Lispector

Ficha Técnica

Mau HumorTítulo: Mau Humor
Autor(a): Ruy Castro (Organizador)
Editora: Companhia de Bolso
Tradução: Ruy Castro
Edição: 2007 (2ª)
Ano da obra / Copyright: 2002
Páginas: 272
Sinopse: Sabe aquela frase que você adoraria ter dito, se ela lhe tivesse ocorrido quando você mais precisou? Bem, esta é uma das finalidades deste livro: abastecê-lo com um suprimento de frases contendo uma carga letal de ironia e crítica. Este não é um dicionário de provérbios cor-de-rosa. Nenhuma frase deste livro poderá ser acusada de construtiva ou otimista. Ao contrário. Todas são mordazes, céticas e ferinas, criadas pelos maiores humoristas de todos os tempos.

Onde comprar:
SubmarinoEstante Virtual | Saraiva | Cultura

2 comentários

  1. Eu AMEI!!! Fiquei muito curiosa!!!
    Achei o máximo a ideia de postar nas redes sociais e ainda “pagar de intelectual” hahaha
    Realmente MUITO útil!!!
    Beijos

    Curtir

    • Oi Soraya,
      Acho que você ia se divertir muito com o livro, exceto por algumas frases de alguns temas que pegam meio pesado.
      Mas tem muita frase legal que eu dei muitas risadas. Ainda não postei nenhuma nas minhas redes sociais por receio de alguém tomar a carapuça e achar que é uma indireta direta, rsrsrs…
      Beijos

      Curtir

Deixe um Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s