| Crítica | Corrente do Mal (It Follows, 2015)

A Corrente do Mal

Filmes de terror e horror são os meus favoritos. E como vocês devem saber, no dia 27 de Agosto estreou nos cinemas brasileiros o filme Corrente do Mal (It Follows), do diretor David Robert Mitchell. Por conta dessa estreia, a Editora DarkSide, que vem se destacando no mercado com seus livros de terror/horror, enviou algumas cortesias para o blog. E como amante do gênero eu não poderia deixar de assistir. Aproveitando o mês do horror, resolvi falar um pouco sobre o filme e minhas impressões sobre ele, para que as pessoas que estão aproveitando Outubro para se dedicar à esse gênero tenha mais uma ótima sugestão de filme incrível.

Toda a história começa quando Jay (Maika Monroe) conhece seu novo namorado, Hugh (Jake Weary), e faz sexo com ele pela primeira vez. Aquilo que deveria ser uma noite romântica para a garota, se torna um pesadelo, pois a partir dela, ela descobre que uma maldição começou a ser disseminada entre os jovens — através do sexo — e ela é a “nova escolhida”. Como Hugh explica para ela, após o contágio é preciso transar com outra pessoa para que ela se livre da tal maldição, à qual deverá passá-la adiante. Caso a pessoa contaminada morra, a maldição voltará para o último contaminado. Assim, entendendo a maldição: ela é uma espécie de demônio ou espírito perseguidor — não fica bem claro — cujo único objetivo é matar a pessoa infectada. Mas só as pessoas infectadas podem vê-lo e, a pior das informações, ele tem aspecto humano e pode assumir a forma de qualquer pessoa — o que aumenta a tensão daqueles que os veem.

Corrente do Mal (It Follows)
Maika Monroe (Jay) e Jake Weary (Hugh), em cena no filme ‘It Follows’.

Como esta informação que mencionei era tudo que conhecia quando fui assistir ao longa, acabei me surpreendendo bastante com o roteiro e o desenrolar da história. É claro que ele possui alguns furos na trama e alguns detalhes que ficaram mal explicados, mas ainda assim foi um filme que me deixou bem tenso durante e após, pois você acaba se perguntando “aquela pessoa que estou vendo, ela realmente existe?”, rs. O filme também é cheio de referências aos clássicos do horror — ou seriam cenas clichês? —, como por exemplo Jay tem a ajuda de um grupo de amigos para combater o “mal”; esse grupo de amigos acabam indo para lugares isolados e escuros, o que possibilita a criação das cenas de susto; magicamente os pais desses jovens não se dão conta do que está acontecendo; entre outros detalhes que não podem ser mencionados, pois se caracterizam como spoiler.

Corrente do Mal (It Follows)
Na sequência: Daniel Zovatto (Greg), Maika Monroe (Jay) e Lili Sepe (Kelly, irmã de Jay).

Sobre a escolha da temática, em especial na forma de contágio da maldição — através do sexo —, é quase impossível não fazermos analogia às Doenças Sexualmente Transmissíveis – DSTs, em especial a AIDS. Ou seja, pensando de forma conservadora e racional (como profissional da área da saúde que sou), toda a história de Jay não teria acontecido caso ela tivesse usado preservativo. Dos aspectos técnicos, eu gostei da fotografia e dos enquadramentos das cenas, em especial da utilização do zoom para nos aproximar da visão da protagonista; além da trilha sonora, que foi fundamental para criação e manutenção da tensão e suspense ao longo do filme.

Do desenvolvimento dos personagens, a protagonista é completamente burra (como já era de se esperar), sempre com suas decisões erradas, mas o destaque maior vai para àqueles secundários. O grupo de amigos foi fundamental para o desenrolar de alguma cenas, mas quero chamar atenção para a atuação de Keir Gilchrist, no papel de Paul, e Daniel Zovatto, como Greg. São eles os responsáveis pelas melhores ideias e diálogos. A disputa implícita criada ao longo da trama entre ambos também ajudou no destaque dos personagens.

Grupo de amigos em cena do filme 'It Follows'
Grupo de amigos em cena do filme ‘It Follows’

Apesar de tudo que disse, espero que vocês assistam e tirem suas próprias conclusões. Eu gostei bastante do que vi, em especial do final, que ficou uma deixa para a sequência prevista para o próximo ano. Agora é só esperar para conferir.

Não deixem de comentar se assistiram, se curtiram. E ainda que tipo de conteúdo vocês gostariam de ver resenhado aqui no blog. O feedback de vocês é extremamente importante para melhorar nosso material. Comentem!

Nota: 💚💚💚💚💛

Trailer

Ficha Técnica

Clique para ampliar
Clique para ampliar

Título: Corrente do Mal
Título original:
It Follows
Direção: David Robert Mitchell
Elenco: Maika Monroe, Keir Gilchrist, Olivia Luccardi
Gênero: Terror
País: EUA
Ano: 2015
Duração: 101 min
Classificação: 14 anos
Estreia: 27/08/2015

Deixe um Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s