| Blogagem coletiva | Campanha contra a Vingança Pornô

blogagem coletiva

Olá, pessoal!

Hoje acontece uma blogagem coletiva promovida pela Editora Arqueiro para discutir um tema social muito grave, que é a vingança pornô, ou pornografia de vingança, ou ainda revenge porn. Na ocasião de lançamento das obras Profundo e Intenso, que abordam esse tema, da escritora Robin York, fomos convidados a participar dessa ação social na blogosfera, e é claro que não poderíamos ficar de fora, né?🙂

Com a revolução tecnológica, que trouxe inúmeras vantagens e facilidades para humanidade, surgiram também novas modalidades de crime, uma delas é a vingança pornô, que consiste na exposição de imagens ou vídeos íntimos de uma ou mais pessoas sem o consentimento delas. Isso gera uma multiplicidade de consequências lesivas para o indivíduo que se torna vítima de tal crime.

Não tenho o hábito de assistir aos vídeos que rolam no whatsapp com a divulgação de alguma cena brutal para diversão pública. Assim que comecei a ver alguns desses vídeos de agressão ou teor sexual com a legenda de se tratar de alguma vingança de parceiro ou parceira traída, me sentia extremamente afetada e interrompi os downloads automáticos. Também não vi o vídeo da Fabíola sendo agredida, e apesar da minha curiosidade incorrigível, não assisti a esse vídeo que anunciava a vingança de um marido que surrava a esposa na saída de um motel, como meu pequeno protesto contra a disseminação desse tipo de violência. A forma e a proporção de como algumas pessoas têm a intimidade escrachada na internet tornou-se uma das piores crueldades do nosso tempo. E as mulheres, segundo dados da ONG Safemet, são o principal alvo desse crime.

Apesar de homens e mulheres compartilharem as imagens, elas são as que mais sofrem com o vazamento de imagens indesejadas e representam 81% das vítimas. Os homens são apenas 16% do total de queixas e 3% das vítimas não tiveram o gênero identificado. (Fonte: G1)

Os agressores ainda encontram respaldo nos usuários que compartilham esses vídeos e imagens anonimamente e acreditam que não têm culpa, não há mal nenhum em compartilhar algo que já viralizou na internet. Infelizmente ainda temos um longo caminho para desenvolver a consciência de nossas responsabilidades com todas as práticas e posturas que reproduzimos nas redes sociais e na internet em geral.

Mandar nudes não é crime (desde que seja consensual entre os parceiros e que estes não sejam menores de idade, claro), o crime é desmoralizar e ridicularizar outra pessoa expondo a privacidade e a intimidade da mesma como forma de vingança ou castigo por qualquer motivo que seja. Ninguém tem o direito sobre o corpo ou a vida íntima de outro ser humano. Por isso, devemos pensar bem antes de compartilhar algo que possa prejudicar moralmente outro indivíduo.

Para finalizar este post, acrescento o discurso do advogado e Vitor Guglinski, que reflete sobre esses crimes da era da tecnologia:

(…) a tecnologia, fruto do saber humano, da investigação voltada à evolução e ao bem viver, tem, em verdade, se tornado uma nova “arma” para a prática de todo o tipo de atrocidade contra nossos semelhantes. Em seu tempo, Aldous Huxley concluíra que ‘as palavras nos permitiram elevar-nos acima dos animais, mas também é pelas palavras que não raro descemos ao nível de seres demoníacos’. Transportando o pensamento do festejado escritor para os dias atuais, junto às palavras vem a tecnologia permitir que os inescrupulosos desçam a tais níveis demoníacos.

Nota da autora

nota da autora-2

Ainda há muito o que discutir sobre esse tema e com certeza falaremos dele novamente por aqui, com a tentativa de compreender e nos conscientizarmos mais sobre esse crime virtual. Até o próximo post!

2 comments

  1. Um ótimo post. Gosto de participar de blogagem coletiva quando o assunto é tal relevante e que de alguma forma alerta e ajuda quem lê.
    Ótima iniciativa da Editora Arqueiro.
    Bjs

    Curtido por 1 pessoa

    • Oi Leninha, que bom ver você por aqui😀
      Também fico muito satisfeita com a iniciativa da Editora de mobilizar os blogueiros em prol de um tema tão importante. Abraços!

      Curtir

Deixe um Comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s